Tag dos 50% | Tag Literária

Os Destaques do primeiro semestre de 2020

agosto 15, 2020 - Postado Por: Everton Assis
Compartilhe:

Os Destaques do primeiro semestre de 2020

capa de livros citados na postagem

Chegou a hora de responder a tag mais conhecida do meio literário. A tag dos 50% consiste em algumas perguntas para nortear e saber quais histórias tornaram-se destaque na primeira parte do ano. (E que ano caótico, diga-se de passagem.)

É uma tag grande confesso, mas fica comigo que garanto boas indicações para suas próximas leituras.

1. O melhor livro que você leu até agora, em 2020.
Quem acompanha o blog no twitter deve ter visto a gente surtando em abril com a leitura de “Verity” da Colleen Hoover, um thriller recheado de reviravoltas, personagens com boas chances de serem vilões e uma escrita cativante. Arrisco a dizer que foi a minha maior leitura em destaque do ano.

2. A melhor continuação que você leu até agora, em 2020.
Analisei minhas metas e tirando a releitura da saga Harry Potter, os demais volumes de séries que pretendo continuar este ano estão para o segundo semestre. Então, fico com “Harry Potter e a Câmara Secreta” pelo simples motivo de que sem a Hermione, o Harry ainda estaria falando com as vozes da cabeça dele.

capa do livro recursão
Capa/Amostra do ebook

3. Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito.
Depois de boas indicações sobre “Recursão” de Blake Crouch, coloquei ele na lista dos livros que ainda quero ler este ano. O autor já vem com certo sucesso em seu primeiro livro e tem tudo para me cativar, aguardando só uma boa promoção para adquirir o meu exemplar. Inclusive, publicamos uma lista com lançamentos do primeiro trimeste deste ano, vale a pela conferir.

4. O livro mais aguardado do segundo semestre.
Tivemos algumas editoras tendo que recuar em seus lançamentos este ano, então pode acontecer que alguns títulos prometidos para este ano acabem só chegando ano que vem. Vou destacar dois Simons que estou querendo fazer aquela visita e matar a saudade. “Com Amor, Creekwood” da Becky Albertalli e rever Simon e Blur novamente (Love, Victor me deixou com saudades). O outro Simon que sempre ronda minha mente e o escrito pela Rainbow Rainha Rowell, “Wayward Son” que vai sair pela editora Seguinte e estou muito ansioso pra saber o que rolou na vida do Simon e do Bas.

5. O livro que mais te decepcionou nesse primeiro semestre.
Confesso que mesmo com alguns avisos, eu acabei criando expectativas sobre a leitura de “Sábado Á Noite” de Babi Dewet, mas não rolou química com nenhum personagem. A leitura era mais sobre eu ficando com raiva da Amanda por fazer coisas sem sentido (provavelmente eu teria feito, pois meu "eu" adolescente era avoado). Enfim, Babi escreveu muito bem sua história, pode funcionar para você.

6. O livro que mais te surpreendeu nesse primeiro semestre.
“Inesquecível” de Jessica Brody é a resposta certa, com uma escrita fluida e cativante, me vi devorando a leitura e querendo sabendo o que de fato é a Seraphina e o que está por trás de alguns eventos misteriosos na trama. Tem uma continuação que também está na lista para ler ainda esse ano.

capa do conto reflexos do passado

7. Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente).
Através dos contos do Projeto Pela Janela De Casa da editora Planeta pude conhecer novos autores que já tinham publicados suas histórias pela editora. O destaque fica com a Paola Aleksandra, o conto “Reflexos do Passado” me prendeu com sua narrativa e estou bem inclinado a ler os romances de época que ela já publicou. Você já leu? Quero indicações por qual começar. Confira nossa resenha completa.

8. A sua quedinha por personagem fictício mais recente.
Facilmente poderia colocar o Jeremy (Jeremias pros íntimos) de “Verity” ou o Gabriel de “Inferno de Gabriel”, dois homens que foram escritos para arrancarem suspiros das leitoras e outras coisas a mais.

PORÉM, minha quedinha fica pelo Alex de “Delírio” da Lauren Oliver, um cara que ao mesmo tempo é enigmático e inteligível, fora que ele lê Shakespeare para a protagonista. (Sou romântico não reclamem!)

9. Seu personagem favorito mais recente.
Com certeza a bruxa Xan de “A Garota Que Bebeu A Lua” de Kelly Barnhill, uma senhora bruxa poderosa e muito gentil que mesmo nos momentos mais difíceis não se curvou ao medo e enfrentou ele e a todo momento que diziam coisas ruins sobre ela, eu ficava do outro lado gritando mentalmente que era tudo mentira.

10. Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre.
“A Distância Até A Cerejeira” e “Por Lugares Incríveis”, foram dois livros que me desidrataram a cada capítulo lido, seja por um tratar sobre doenças mentais e o outro por tratar do medo e a inacessibilidade ao próximo. São duas leituras que não consigo falar sem ficar com os olhos marejados.

11. Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre.
Foi o conto “E Se Tocássemos O Céu?” do Leo Oliveira, um conto recheado de representatividade, fãs tendo crises com a chegada de um ídolo querido e um romance gostosinho. Foi meu primeiro contato com a escrita do Leo e espero mais coisas dele, sim!

12. Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora, em 2020.
Netflix só me empurrou conteúdo original nesse primeiro semestre, desculpa. Mas estou de olho nos seguintes títulos para consumir agora neste mês: “Cursed: A Lenda Do Lago”, “Expresso Do Amanhã” e “A Noiva Fantasma”.

capa do livro a distancia até a cerejeira

13. Sua resenha favorita desse primeiro semestre (escrita ou em vídeo)
Sem dúvidas foi a resenha de “A Distância Até A Cerejeira”, uma leitura que me marcou e ao escrever a resenha pude ver mais pontos sobre a mensagem por trás da história, fora que eu chorei escrevendo, nem sou emotivo.Confira a resenha completa aqui.

14. O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano.
O “Beijos Em Nova York” de Catherine Rider nem tem uma capa tão chamativa ou de tirar suspiros de quem a ver, mas para mim tem um destaque já que foi presente de aniversário de uma grande amiga, a Renata do blog Pausa.

capa dos livros neuromancer, red hill, faca de água e volta ao mundo

15. Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?
Não tem dedo nas mãos e pés para contar a quantidade de livros que quero ler ainda esse ano. Calma, vou destacar alguns que são próximas leituras: “Neuromancer”, “Red Hill”, “Faca De Água”, “A Volta Ao Mundo Em 80 Dias” e “Qualityland”, a lista é grande viu.

Se chegou até aqui, meu muito obrigado e não esqueça que todos os livros citados acima possuem links para a compra e comprando com nossos links ou atravez da nossa lista, você ajuda a manter o blog ativo.

Comente com o Facebook