Sonhos Interrompidos - Gisela Bacelar, Bruna Ceotto | Resenha

Larissa e Miguel: duas realidades que se cruzaram e mudaram para sempre

agosto 24, 2020 - Postado Por: Everton Assis
Compartilhe:

Larissa e Miguel: duas realidades que se cruzaram e mudaram para sempre.

capa do conto sonhos interrompidos gisela bacelar bruna ceotto

Este post possui termos considerados como gatilho para algumas pessoas / Possui spoilers.

Após finalizar a leitura de ‘Sonhos interrompidos’ fiquei algum tempo olhando para as paredes do meu quarto e refletindo sobre qual mensagem iria tirar desta leitura tão forte e impactante. Gisela e Bruna colocam à tona duas realidades distintas, mas que carregam pesos doloridos e sufocantes, e que se tornaram piores com a chegada do COVID-19.

Larissa e Miguel têm vidas opostas e dilemas totalmente diferentes. Larissa é uma influencer digital e conquistou uma vida razoavelmente boa com os seus inúmeros anúncios, expondo sua vida nas redes sociais e sempre há alguma fofoca envolvendo ela. Miguel é recém formado ator e está na batalha para conseguir uma oportunidade de mostrar seus talentos em frente às câmeras. Enquanto isso não acontece, ele trabalha como garçom e tira o seu sustento e de sua família, mas a vida dos dois muda quando começa a quarentena e ficar em casa é a melhor opção para manter-se seguro, opção para quem pode escolher é bom deixar claro.

capa do conto sonhos interrompidos gisela bacelar bruna ceotto

Larissa pode refugiar-se em seu apartamento de luxo, afinal muitas pessoas passaram a fazer home office e tem a questão de que os anúncios não pararam. Miguel por outro lado, aceitou ser entregador no restaurante em que trabalha, assim continuava a ganhar seu salário e não precisaria ficar em casa e ter que conviver ainda mais com seu padrasto abusivo. Em uma das entregas do dia, Larissa e Miguel se cruzam e esse encontro fez algumas coisas mudarem.

Gisela e Bruna trazem ao seu conto alguns questionamentos que já são pontuados sobre essa vida perfeita na internet e o quanto isso pode torna-se viciante às pessoas. Larissa vende uma vida bonita e de certa forma ‘fácil’, mas que por trás está uma garota amedrontada que precisa recorrer por muitas vezes a bebida e outras misturas para aliviar essa tensão que envolve a si mesma. O melhor recado para isso (e que eu tenho seguido) é siga pessoas que te façam bem e que sejam parecidas com vocês.

“Era disso que vivia o mundo virtual: felicidades superficiais, realidades fantasiadas. Tudo que fosse cabível para agradar os outros e ganhar mais likes.”Sonhos Interrompidos – Gisela Bacelar, Bruna Ceotto

Os questionamentos que podem ser levantados para a realidade de Miguel, foram os que mais mexeram comigo pois conheço e conheci inúmeros Migueis, Tucos e Lanas (amigos de Miguel). Miguel mora em Brasilândia (um dos distritos de São Paulo mais atacado pelo COVID-19 - info), mas sonha alto, quer ir morar no exterior para estudar cinema e tirar sua mãe do relacionamento abusivo que tem com o padrasto.

E foi doloroso ler certas cenas, mas que elas estão no conto não apenas para chocar o leitor mas para alertar que acontece com mais frequência do que você possa imaginar. Durante a quarentena o número de casos de violência doméstica aumentou (info) e por muitas vezes essas mulheres sem amparo ou por própria vergonha não conseguem sair desse cárcere dentro da própria casa. É um cutucão em nós, assim como Rebecca faz ao alertar seu vizinho que algo de estranho está rondando os amigos deles em “Pela Janela”. Não seja omisso, se ver alguma cena assim, ligue para a polícia, ajude!

“Fugir dos problemas não é a melhor saída. Fingir que eles não existem, também não. Se ele faz mal a sua mãe, por que não conversar com ela?”Sonhos Interrompidos – Gisela Bacelar, Bruna Ceotto

Há outros pontos presentes no conto que marcam a nossa sociedade e que devemos combatê-los, principalmente a desigualdade social que arrasa e ceifa a vida de muitos jovens.

capa do conto sonhos interrompidos gisela bacelar bruna ceotto

Gisela e Bruna criaram uma história que pode ser dolorida como citei antes, mas que é necessária. Não pude falar muito para não estragar a experiência e o ‘chacoalhão’ que o conto dá em nós. Fica aqui somente uma pergunta que sei que vai passar por sua mente após concluir a leitura: até quando sonhos ainda serão interrompidos pela violência, pela omissão de ajuda do governo e seus representantes e pela desigualdade na sociedade?

'Sonhos Interrompidos' compõe o projeto “Pela Janela de Casa” da editora Planeta De Livros Brasil que traz grandes autores da casa, para criarem histórias tendo como tema central o momento difícil que estamos vivendo, vale a pena conferir os demais contos.

Sonhos Interrompidos
Autora: Gisela Bacelar, Bruna Ceotto
Editora: Planeta De Livros Brasil (Selo Outro Planeta)
Ano: 2020
Skoob: 4,7 estrelas / Goodreads: 0 estrelas
Comprar: Amazon
04 Estrelas
Aqui, nessa história, abre-se uma janela para as vidas de outras pessoas, que talvez os leitores não conheçam, de cuja existência eles talvez não saibam, ou com as quais eles nem tenham vínculo algum. Exceto, no entanto, por um detalhe: todos, leitores e personagens, vivem ou já viveram sob o decreto de quarentena dado pelo governo após um vírus contagioso, o CODIV-19, se alastrar por todo o mundo, adoecendo e matando milhares de pessoas. Com suas vidas transformadas pelo caos, pelo medo e pelo desespero, todos se veem teoricamente intimados a ficar dentro de suas casas, sem poder sair. Mas a ordem governamental atinge pessoas de realidades muito distintas...
Miguel é o filho único de um casal tóxico, sendo obrigado a conviver com um padrasto abusivo e violento com a mãe. Garoto negro periférico que sonha em ser um ator de sucesso e se mudar para os Estados Unidos em busca de uma vida melhor, Miguel estava cheio de planos, mas então vem a pandemia. Viver em quarentena nunca foi tão difícil para o rapaz, que já não suportava a convivência dentro da própria casa e, agora, terá de ficar. E não se sabe por quanto tempo.
A trajetória de Miguel se cruza com a de Alissa, garota privilegiada e influenciadora digital de sucesso. Como seguir mostrando aos outros sua vida perfeita, agora que essa vida não parece tão perfeita assim? Confinada em seu apartamento, sem poder contar com nada além do apoio virtual de seus fãs, ela vai precisar ajustar sua rotina. E sua visão de mundo será abalada pelo encontro com o jovem da periferia, encarregado de levar até ela as refeições pedidas via serviço de delivery.
Autoras: Gisela Bacelar é escritora e modelo. É autora da série Perigosa amizade, cujos textos vem publicando on-line desde os 16 anos. Este Perigosa amizade: o começo, é o volume zero da história, apresentando os personagens tanto para quem nunca leu a série quanto para quem já conhece
Bruna Ceotto é capixaba e nasceu em 1992. Gosta de pensar em si mesma como uma “escritora de poucas palavras que nunca sabe por onde terminar”. Onde Há Fumaça é o primeiro romance em formato impresso de uma trilogia, cuja sequência, está em andamento na plataforma Wattpad. Atualmente, vive em São Paulo onde conclui o curso de Direito pela Universidade de São Paulo.

Outros Volumes

Comente com o Facebook