Resenha: Có! & Birds - Gustavo Duarte

O que esperar quando a loucura e a morte estão a sua espera

janeiro 21, 2018 - Postado Por: Thyago Costa
Compartilhe:

O que esperar quando a loucura e a morte estão a sua espera




É muito provável que você já tenha ouvido a frase: "uma imagem vale mais do que mil palavras". E muito provável que já usou esse "conceito" ao analisar alguma obra de arte, alguma cena de um filme, etc. Para os quadrinhos não funciona de maneira diferente: a arte é fundamental para a sequência narrativa, contribuindo em peso para o resultado final. Ok, o que eu acabei de dizer parece uma coisa óbvia, mas qual papel a mais teria a arte de um quadrinho mudo? Essa é a pergunta que Gustavo Duarte responde, primorosamente, em seus trabalhos.

"Có! & Birds" é um compilado, publicado pela editora Companhia das Letras no selo Quadrinhos na Cia em 2014, de duas histórias em quadrinhos que trazem os temas inicialmente bobos mas que no final são cruéis e trágicos. O trabalho de Duarte é meticuloso: ele gosta de trabalhar sequências quadro-a-quadro para tornar a leitura mais cinematográfica, sendo assim, mais imersiva. O poder de sua arte está nas expressões de cada personagem que carregam a narrativa invisível de seu show de horrores.



Em "Có!", acompanhamos um fazendeiro descobrindo que seus porcos estão sendo abduzidos por alienígenas e, em uma das situações, ele mesmo acaba sendo levado pelos estranhos visitantes. O que inicialmente parecia uma 'aventura para escapar de ETs', se torna um macabro delírio na vida do fazendeiro quando ele se ver transformado em um porco e percebe que tudo ao seu redor caminha para a morte por insanidade. A arte é cartunesca e até engraçada, porém os risos terminam quando o bizarro toma conta.

Em "Birds", conhecemos uma dupla de pássaros executivos em mais um dia de trabalho em seu escritório. Porém, o dia se torna assustador quando eles recebem a visita da própria morte. A partir desse ponto acompanhamos a dupla tentando escapar do local sem que a morte saiba. Essa segunda história é bem mais carregada de simbolismo do que a anterior, apesar do caráter tão simplório. Aqui é visível a mensagem de que não importa o esforço ou a esperança de alguém, a morte sempre estará esperando no final do caminho. Novamente vemos a estética simples de Duarte dar lugar a uma obra forte e reflexiva.



"Có! & Birds" é uma aula de narrativa sequencial e principalmente de como contar tanto com pouco. Gustavo Duarte é um louco que nos presenteia com histórias sobre o significado da vida e principalmente do temor a morte.


Ficaram interessados? Adquira o livro clicando na capa acima, e ajude esse lindo blog a crescer!
Có! & Birds
Autor: Gustavo Duarte
Editora: Companha das Letras (Selo Quadrinhos na Cia)
Ano: 2014
Skoob: 4.1 Estrelas
Compre Aqui: Amazon, Saraiva, Submarino
05 Estrelas
Um sítio é atacado por alienígenas. Dois pássaros recebem uma visita da morte. Foi a partir dessas tramas aparentemente simples que Gustavo Duarte, cartunista de mão cheia com passagens pelos principais jornais e revistas do país, irrompeu no mundo dos quadrinhos. O efeito foi devastador e as duas histórias, publicadas de forma independente e vencedoras dos principais prêmios do gênero no Brasil, tornaram-se objeto de culto entre fãs e colecionadores. Não sem motivo: as histórias de Gustavo, construídas inteiramente sem diálogos, são um primor do traço, da energia cinética e do humor torto e deslavado. Não há uma expectativa que não possa ser quebrada como uma gag visual, uma ideia nova, um desenho único. Este Có & Birds reúne pela primeira vez as aventuras do fazendeiro em guerra com os ETs que querem roubar seus porcos e a trágica história dos pássaros que tentaram enganar a morte. Entre guinchos, penas e sangue, o fim do mundo nos aguarda com um belo sorriso no rosto, sujo de barro e molhado de gasolina. Será uma grande festa. Chegue cedo, pois desta vez não haverá arsênico bastante para todos os presentes.
Autor: Gustavo Duarte é Cartunista e quadrinista, nascido em São Paulo em 1977. Formado em design gráfico pela Universidade Estadual Paulista (Unesp - Bauru) em 1999. Começou a sua carreira de cartunista e ilustrador publicando seus trabalhos no Diário de Bauru de 1997 a 1999. Em janeiro de 2000 voltou a São Paulo, onde trabalhou como designer gráfico na Editora Abril.No mesmo ano começou a colaborar como ilustrador e cartunista em várias publicações. Já publicou e publica em vários jornais e revistas como: Folha de São Paulo, Lance!, Veja, Forbes, Le Monde Diplomatique, Placar, Playboy, VIP, entre outras. Trabalhou na W/Brasil como diretor de arte e ilustrador de 2005 a 2008

Comente com o Facebook